GPO - Um Middleware para Suportar Orquestração de Serviços em Grades Computacionais

(WCGA 2004)

Carlos Roberto Senna and Edmundo R. M. Madeira
Resumo
O uso eficiente de aplicações fortemente acopladas nas grades computacionais requer um nível adicional de gerência, onde possam ser descritos os fluxos dos processos, suas atividades e o controle das dependências entre essas atividades. Este artigo apresenta o Grid Process Orchestration (GPO). GPO é uma infra-estrutura (middleware) que faz a orquestração dos serviços em grades computacionais, permitindo interoperabilidade entre aplicações fortemente acopladas, de forma transparente com garantia de recursos, comunicação e integridade. Essa infra-estrutura usa como referência o conceito emergente de orquestração de serviços Web, que adiciona uma camada ao topo das especificações para esses serviços.

2018-06-03

[Baixar PDF] [Bibtex]